Histórico

Fotojornalismo

Na qualidade de repórter fotográfica, Fernanda realizou trabalhos para todas as editorias, notadamente, nas áreas do jornalismo esportivo, policial, de moda, turismo e artes. Durante três anos (2005 a 2007) no jornal Diário do Nordeste, a fotógrafa foi às ruas e captou imagens que ilustraram capas, marcaram grandes reportagens e agregaram informação às páginas do jornalismo impresso cearense.

 

Salões

SALÃO DE ABRIL (2003)Com o trabalho “São Francisco”, a fotógrafa Fernanda Oliveira conquistou seu primeiro prêmio. A foto foi selecionada para o acervo do 54º Salão de Abril, a mais tradicional mostra de arte do Ceará, que reúne artes plásticas e visuais. A imagem, que revela um misto de religiosidade e tecnologia, foi feita num dos pontos mais altos do Ceará, o “Pico Alto”, localizado no município de Guaramiranga, região serrana do estado.
SALÃO DE ABRIL (2004)Selecionada pela curadoria do Salão de Abril, em sua 55ª edição, o trabalho agraciado foi “Meninos de Iracema”, uma seqüência de fotos registradas na “Ponte dos Ingleses”, conhecida como ponte metálica, em Fortaleza, Ceará. O Salão de Abril é uma das mais tradicionais mostras de arte do Brasil, com 61 anos de existência.
UNIFOR PLÁSTICAUnifor Plástica é considerado hoje um dos maiores eventos de artes plásticas do Nordeste e tem ganho visibilidade nacional nos últimos anos.

O espaço cultural já abrigou trabalhos de artistas renomados, como Raimundo Cela, Miró, Antônio Bandeira, Rembrandt, Vick Muniz, Brassai, entre outros.

Um espaço que pertence a Fundação Edson Queiroz que fora criado com o incentivo de estimular a cultura nacional e internacional e tem como objetivo produzir mostras das artes plásticas e visuais em diferentes categorias artísticas, propondo acolher as diferentes vertentes e múltiplas linguagens da arte, seja fotografia, instalação, vídeo, pintura e escultura.

A fotógrafa compôs a mostra da Unifor Plástica de 2011 com a obra intitulada “Iphonografia” discutindo a temática “ Educação pela arte”.

 

Mostras

“Espetáculos” e “Fora do Foco” foram os primeiros trabalhos expostos de Fernanda Oliveira.Fora do Foco retrata a realidade da Serra de Guaramiranga-Ceará em que a cultura local é invadida e suprimida pela indústria cultural transformando visivelmente a cidade num turismo não sustentável.

 

Espetáculos retrata a diversidade cultural que passa pelo Theatro José de Alencar-TJA o mais antigo teatro cearense.